The leopard skirt everyone is wearing

Aviso: Este post corre o risco de embarcar numa dissertação filosófica (um pouco existencial) sobre trends.

      A saia leopardo que introduz o tema é da Brownie Spain e foi a peça eleita para protagonizar o post mensal. Ofereci resistência, mas o leopardo fez olhos de gato e nem o meu ego resistiu. Afinal, o meu gatinho de inverno (casaco leopardo) precisava de um homónimo de Verão e o padrão sempre esteve no meu top 5.

      Mas em relação ao tópico camuflado na saia, devo dizer, que tenho alguns anticorpos contra tendências. Demoro algum tempo a ceder, a não ser que tenha sentido amor à primeira vista. Se vi a peça e a quis ter naquele momento, antes de ter invadido o meu feed do instagram, então eu vou tê-la custe o que custar (salvo seja, se custar 10.000€, não vou ter de certeza!). Quando não é assim, faço o exercício contrário. Se não tivesse visto tantas vezes de tantas formas esta peça (ugly sneakers por exemplo) teria gostado dela na mesma? Não! Os ugly shoes Balenciaga ou Louis Vuitton não me enchem as medidas, não como os Isabel Marant uma vez encheram (até que um dia finalmente os tive e hoje pairam lá em casa numa prateleira coberta de pó…{não é esse o destino de todas as big trends?}).

      Os ugly sneakers não são uma trend que adore. Mas o meu cérebro foi tantas vezes invadido com fotografias giras com os ténis que inevitavelmente acabei por ceder um pouco (numa versão mais moderada), quando os Nike AirMax 97 de repente me pareceram uma bela ideia. Confesso que estes novos ténis da Chloë também me andam a fazer olhinhos mas estou a resistir.

      O ano passado em Paris, durante a fashion week (mas não para a fashion week) tive uma espécie de uma fashion crises. De repente tudo me parecia igual, sem sentido, sem história e não queria ceder a nada. É claro que isto não é necessariamente a solução, nem isto é necessariamente um tópico digno de crise. Mas, para mim, como blogger / influencer, estas questões pairam constantemente no ar, esta linha ténue que separa tornar-me num cartaz de tendências ou manter o meu estilo pessoal. Encontrar o equilíbrio aqui no meio é como estar em cima de uma slackline.

Look total Brownie Spain. As pulseiras comprei numa loja de rua em Olhos de Água, no Algarve.


Warning: This post might turn into a philosophical (a bit existential) dissertation about trends.

      The leopard skirt that introduces the theme is from Brownie Spain and it was the chosen one to star the monthly post with the brand. I offered some resistance at first, but the leopard gave me the cat eyes and not even my ego could resist. After all, my winter coat (leopard coat) needed a summer namesake and this pattern has always been in my top 5.

      But regarding the topic camouflaged in the skirt, I must say, that I have some antibodies against tendencies. I take some time to give in, unless it’s love at first sight. If I saw the garment and wanted it right away, before it invaded my instagram feed, then I will have it at all costs (except if it costs € 10,000, of course!). If that’s not the case, then I ask myself, if you didn’t happen to see this so many times in so many ways (ugly sneakers for example) would you want it? No! I didn’t actually like the Balenciaga or Louis Vuitton ugly sneakers from the beginning, not like I loved the Isabel Marant once (until one day I finally had them and today they’re just at home on a shelf covered with dust … {isn’t that what happens to all big trends?}).

      I don’t love the ugly sneakers. But my brain was so often overrun with photos that I inevitably gave up a little, when the Nike AirMax 97 suddenly seemed like a pretty good idea to me. I confess that these new ones from Chloë also caught my eye, but I’m still trying to resist.

      Last year in Paris, during fashion week (I wasn’t there for fashion week) I had a fashion crises. Suddenly everything seemed the same, meaningless, without a story behind and I didn’t want to give in to anything. Of course this is not necessarily the solution, nor is this necessarily a crisis-worthy topic. But for me, as a blogger / influencer, these issues constantly come to my mind, this tenuous line that separats me from becoming a trend poster or keeping my personal style. I feel like finding the balance in between these two is like standing over a slackline.

Total look Brownie Spain. Found the bracelets in a Store in Olhos de Água, Algarve.

Standard

One thought on “The leopard skirt everyone is wearing

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s